Buscar
  • Vereador Pedro Kawai

Reunião define detalhes do “Novembro Azul”

Evento acontecerá sábado, dia 6, no estacionamento da Câmara Municipal


Representantes de organizações dos setores público, privado e do terceiro setor reuniram-se na manhã desta quinta-feira (04), com o vereador Pedro Kawai (PSDB), para acertar detalhes sobre a realização do evento “Novembro Azul: um olhar azul para a vida”, que será realizado neste sábado dia 6, das 8h ao meio dia, no estacionamento da Câmara Municipal de Piracicaba (SP).

Eles foram conferir os locais em que serão instalados os stands de coleta de sangue para a realização do exame PSA (Antígeno Prostático Específico), aferição de pressão arterial, glicemia e acuidade visual, além dos serviços de corte de cabelo, esmaltação para mulheres, e as barracas de café, água e pipoca. A infraestrutura necessária para a realização do Novembro Azul, que também celebra o Dia Mundial do Diabetes envolve, ainda, a disponibilização de ambulância e sanitários.


De acordo com Pedro Kawai, em 2019, último ano em que o evento foi realizado, ainda na Praça José Bonifácio, foram realizados cerca de 1.200 atendimentos, mas não há como prever público para esta edição, apesar do controle da pandemia da Covid-19 na cidade. “Nosso desejo é que possamos superar os 1.200 atendimentos, porque isso aumenta as chances de diagnosticar precocemente várias doenças, como a diabetes e o câncer de próstata”, comentou.


O parlamentar reforçou que todos os protocolos sanitários, como o uso de álcool em gel e máscaras, além do distanciamento mínimo necessário serão mantidos, razão pela qual a organização escolheu o estacionamento da Câmara, que é mais amplo e permite o controle do tráfego das pessoas. “Outra vantagem é que, como o estacionamento da Câmara é coberto, as tradicionais tendas não serão necessárias, o que reduz o custo do evento para todos os nossos parceiros”, observou.


A coleta das amostras de sangue seguirá para análise do laboratório parceiro e, na eventualidade de qualquer alteração sanguínea, o paciente será comunicado para encaminhamento médico e posterior consulta na rede pública ou em convênios particulares. O mesmo ocorrerá com os exames para a detecção da diabetes e os testes de acuidade visual.




Texto: Assessoria parlamentar

Supervisão: Rodrigo Alves - MTB 42.583

Revisão: Marcelo Bandeira - MTB 33.121

1 visualização0 comentário