Buscar
  • Vereador Pedro Kawai

Negociação na política é tema de palestra proferida por vereador

Vereador destacou a importância do diálogo para a aprovação de projetos de interesse público a uma turma de pós-graduação da Fatep.



Alunos do curso de MBA em gestão de pessoas da Fatep (Faculdade de Tecnologia de Piracicaba) tiveram a oportunidade de conhecer alguns detalhes do processo legislativo, em palestra, pelo Google Meet, proferida pelo vereador Pedro Kawai (PSDB), no último sábado (2). Ele foi convidado para falar sobre o tema "Negociação no Poder Público", dentro do conteúdo programático da disciplina "Métodos e técnicas de negociação".


Durante cerca de uma hora e meia, Kawai fez um relato de sua trajetória política, desde que iniciou no movimento estudantil, como líder do grêmio da Escola Estadual "João Conceição", no bairro Paulista. A década em que viveu no Japão também mereceu a atenção dos alunos, sobretudo em razão das dificuldades culturais e do idioma, "absolutamente complexo se comparado ao português".


Por se tratar de um tema "delicado", segundo o vereador, a referência à política teve, inicialmente, uma conotação teórica, razão pela qual citou desde Aristóteles a Otto Von Bismarck, que foi responsável pena unificação dos reinos germânicos, no século 19. "Não quero fazer apologia aos segmentos A ou B da sociedade, apenas dizer que não podemos deixar de discutir política, porque, na sua essência, é uma ferramenta de transformação social absolutamente necessária para assegurarmos qualidade de vida e desenvolvimento para a sociedade", destacou.


Ao encerrar a sua apresentação, o parlamentar foi sabatinado pelos estudantes, respondendo a perguntas sobre os bastidores da negociação envolvendo projetos de lei. Ele também foi indagado sobre acontecimentos recentes da política local, como o aumento da tarifa de lixo, a transferência da Pinacoteca para o Engenho Central e o fechamento do Observatório Municipal pela atual administração municipal. "Tenho feito várias palestras para alunos secundaristas e do ensino fundamental, mas encarar uma turma de pós-graduação foi algo ainda mais desafiador", comentou o parlamentar.




Texto e foto: Assessoria parlamentar

Supervisão: Rodrigo Alves - MTB 42.583

Revisão: Ricardo Vasques - MTB 49.918


11 visualizações0 comentário