top of page
Buscar
  • Foto do escritorVereador Pedro Kawai

Câmara entrega "Título de Cidadão Piracicabano" a Erasmo Spadotto

Solenidade realizada na noite desta sexta (24) enalteceu o trabalho, em Piracicaba, de quase 30 anos do chargista e cartunista nascido na cidade de Santa Maria da Serra

As quase três décadas de trajetória profissional do artista gráfico, chargista e cartunista Erasmo Carlos Spadotto foram coroadas, na noite desta sexta-feira (24), com a entrega do Título de Cidadão Piracicabano, honraria oferecida pela Câmara Municipal de Piracicaba a pessoas não nascidas na cidade mas que contribuem para seu avanço material e imaterial.


A solenidade, realizada no Salão Nobre "Helly de Campos Melges", contou com a presença de familiares, amigos, autoridades e admiradores do trabalho de Spadotto, e foi proposta pelo vereador Zezinho Pereira (União Brasil), por meio do projeto de decreto legislativo 4/2022, aprovado em Plenário por unanimidade, e oficializada por meio do decreto legislativo 13/2022.


"Estou muito feliz em propor esse título. Diversas pessoas da cidade com as quais me encontrei disseram: 'você fez uma escolha extraordinária' (...) A cidade ama o senhor, pois você fez coisas extraordinárias para ela e alegrou muita gente. A cidade, realmente, também ganhou um presente com o senhor", disse Zezinho Pereira.

Autor de trabalhos premiados nos salões de humor de Caratinga, Amazônia e Bele Horizonte e também na Eco-Cartoon, Erasmo Spadotto foi chargista e cartunista na imprensa piracicabana, com trabalhos publicados quase que diariamente.


Entre os grandes sucessos do artista, destaque para a "Capivara", personagem cujos traços, por mais de 20 anos, estamparam cerca de 6 mil tirinhas publicadas, das quais 300 figuraram num compêndio, o livro "Capivaras", lançado em 2013.


Spadotto recebeu também, em 2006, Menção Honrosa no Salão Internacional de Humor de Piracicaba e, em 2014, desenhou o cartaz de sua 41ª edição. Ele foi também integrante e dirigente, de 2017 a 2019, do Cedhu Piracicaba (Centro Nacional de Humor Gráfico).

A vereadora Sílvia Morales (PV), do mandato coletivo A Cidade é Sua, e o vereador Pedro Kawai (PSDB), que também compuseram a mesa diretiva da solenidade, destacaram a trajetória e relevância para Piracicaba do cartunista nascido na cidade de Santa Maria da Serra.


"Todos sabem da qualidade artística do Erasmo, que levou o nome de Piracicaba para o mundo. Foi diretor do Salão Internacional do Humor de Piracicaba por muito tempo. (...) O Título de Cidadão Piracicabano é uma das mais altas honrarias que temos aqui na Casa, e é muito merecido. Estamos muito felizes", disse Sílvia Morales, que também é amiga de longa data do artista.


Pedro Kawai, de forma semelhante, também destacou a relevância do Título e do trabalho desenvolvido por Spadotto: "essa honraria é tão significativa e tão minuciosa que nós, vereadores, só podemos escolher quatro pessoas durante todo o nosso mandato para homenagearmos. (...) Um Cidadão Piracicabano é "filtrado", ele é escolhido e pinçado da sociedade entre pessoas que fazem um trabalho de extrema relevância para o município, pessoas que escolheram Piracicaba e que representam o suor de todos os piracicabanos. Nada mais justo o nosso reconhecimento (...) Você traz a alma piracicabana para os seus traços, tanto é que eu sempre achei que você fosse piracicabano. Prova disso é o grande sucesso da Capivara", falou o parlamentar.


Após o recebimento da placa alusiva ao Título, na companhia de sua esposa Andrea e de seu filho Caio, Erasmo Spadotto fez questão de evidenciar, em seu discurso, a sua íntima relação com a cidade - à qual chegou com 14 anos, em 1981.


Ele falou com emoção das paisagens piracicabanas, de seus pontos turísticos, de suas lendas e pessoas, e lembrou com carinho de memórias vívidas em sua mente, como por exemplo as de quando, ainda na adolescência, "descia o rio de boia", quando nem a ponte pênsil ou o calçadão na Rua do Porto existiam, do período em que foi gandula do XV de Piracicaba, foi sócio do antigo clube Regatas, e de quando, estudante no colégio Moraes Barros, esboçou em suas carteiras seus primeiros traços.


"Para se credenciar como Cidadão Piracicabano, não basta aumentar o "r", não", brincou, "é preciso participar e viver as coisas que só a Noiva da Colina oferece. Viver seu intenso calor no verão, seco no inverno, ventos em agosto e chuvas de dezembro a fevereiro", disse o homenageado, que agradeceu a honraria, "recebida com muita alegria".


Ele acrescentou: "é engraçada a convergência do Universo. Neste ano, a minha Capivara faz 20 anos, já é uma mocinha. Minha profissão completa 30 anos e eu recebo esse título de Cidadão Piracicabano. Agradeço muito, mesmo".


A cerimônia de entrega do Título de Cidadão Piracicabano ao cartunista Erasmo Spadotto pode ser vista, na íntegra, no player localizado no início da matéria.


Texto: Fabio de Lima Alvarez - MTB 88.212

Supervisão: Rebeca Paroli Makhoul - MTB 25.992


0 visualização0 comentário

Comments


bottom of page